Sara Sampaio Processa Revista por Assédio Sexual




















A modelo portuguesa recorreu às redes sociais, esta Quinta-feira, dia 19 de Outubro, para denunciar um recente caso de assédio sexual, no qual foi vítima.

Sara Sampaio, de 26 anos, acusa a revista masculina, LUI, para a qual posou nesta edição de Outono, de a ter desrespeitado enquanto mulher, chegando mesmo a violar uma cláusula do contracto, que consistia em não expor a sua nudez.

Apesar do acordo assinado entre ambas as partes, a manequim afirma que foi fortemente pressionada a posar nua e, contra a sua vontade, foram-lhe tiradas várias fotos que expunham os seus seios. 

Sara acusa ainda a revista de lhe ter mentido, uma vez que esta lhe havia garantido que as imagens da sessão fotográfica, que apresentavam acidentalmente alguma nudez, não iriam ser publicadas, o que acabou por não acontecer, como se pode comprovar na capa da publicação (ver imagem ao lado).

"O que fizeram comigo é inadmissível. Senti-me violada, maltratada e desrespeitada enquanto profissional e mulher", pode ler-se no post da modelo, na sua página de Instagram (ver abaixo).

Desde que a revista foi lançada, Sara tem reunido esforços com a sua agência e com o seu advogado, para processar a revista francesa.


Veja abaixo o desabafo do "Anjo" da Victoria's Secret (ver tradução abaixo).





COMENTÁRIOS

Sem comentários:

Enviar um comentário